Home Europa O que fazer em Diyarbakir na Turquia

O que fazer em Diyarbakir na Turquia

por Andressa Silva
O que fazer em Diyarbakir, muralahas

A cidade de Diyarbakir na Turquia fica no sudoeste do país e traz muitas surpresas. Portanto, neste artigo vamos mostrar o que fazer em Diyarbakir para você fazer uma viagem pelos anos de história da cidade.

Diyarbakir também faz parte da região do Curdistão Turco, o que faz dela uma cidade com uma cultura misturada e única. Além disso, há influência de diversas culturas dos países ao redor que podem ser vistas nas comidas e costumes do pessoal local.  

Sabia que o Seguro Viagem é obrigatório para viajar para Europa?

Sem ele você pode ser proibido de entrar no país e o atendimento hospitalar pode sair bem caro na Europa. Você não quer viajar e ter uma dor de cabeça, né verdade!? O nosso parceiro Seguros Promo é um comparador de seguros viagem que garante os melhores preços. Faça uma cotação e conheça excelentes seguros para a sua viagem, ganhando 15% de desconto usando o código VIAJELEVE15.

QUERO UM ORÇAMENTO

Abaixo deixamos uma lista com os assuntos abordados neste artigo para você clicar e ser direcionado caso deseje.

Como chegar a Diyarbakir

Embora Diyarbakir esteja localizado no sudeste da Turquia, você vai encontrar muitas opções de transporte para chegar lá. Ainda mais porque a cidade tem um pequeno aeroporto que atende a região com qualidade.

Avião: Há voos chegando e partindo regularmente para o Aeroporto de Diyarbakir (DIY) que por sinal é bem perto da cidade velha. Nós pegamos o voo de lá para Antália na Turquia, mas tem voos para o país inteiro, principalmente de Istambul.

Carro: Uma boa recomendação é viajar de carro pelo país e em Diyarbakir não seria diferente. Pensando assim, você pode alugar um carro para chegar lá e retirar o carro na cidade ou no aeroporto para rodar pela região.

Ônibus: Nós chegamos em Diyarbakir de ônibus, pois estávamos numa viagem partindo de Duhok, uma cidade no Curdistão Iraquiano. Contudo, você vai achar muitas rotas no site 12Go, com ônibus chegando e partindo de Mardin que é perto ou viagens longas como Ancara, por exemplo.

Onde ficar em Diyarbakir

Podemos considerar que a melhor região para ficar em Diyarbakir é a parte central próximo às muralhas. Nós, por exemplo, ficamos hospedados na cidade velha bem próximo a rua principal do comércio e do bazar da cidade e foi uma boa escolha.

Köprücü Hotel: Ficamos hospedados neste hotel e foi uma ótima escolha de hospedagem econômica. O quarto é pequeno, mas a relação custo-benefício, café da manhã incluído e limpeza compensaram.

The Green Park: Este é um dos melhores hotéis do centro da cidade, pois é completo e oferece diversos serviços como banho turco e sauna. Além disso, ao se hospedar nele você vai estar num prédio histórico, porém com quartos modernos.

Amida Boutique Otel: Outra opção de hotel com sofisticação no centro da cidade velha de Diyarbakir, este boutique hotel tem ótimas referências. Nele você vai encontrar várias comodidades, incluindo restaurante, bar e jardim.

New Garden Hotel: Quem busca um local com mais luxo, esta é uma boa opção de hotel na região central de Diyarbakir. Ele fica fora das muralhas, mas está perto das principais atrações.

Ramada by Wyndham: Por fim, deixamos uma opção de hotel de rede que é bem conhecida e tem qualidade superior. Porém, este hotel fica fora da região central, bem como está um pouco distante das atrações da cidade.

Veja todas as opções de hotéis em Diyarbakir para fazer a sua reserva!

O que fazer em Diyarbakir, Turquia

Encontrar o que fazer em Diyarbakir não é difícil se considerarmos que a grande maioria das atrações ficam dentro das muralhas. Em outras palavras, é só ir até a cidade velha que você encontrará os principais pontos turísticos de Diyarbakir, na Turquia.

Castelo de Diyarbakir e Complexo de Museus

Castelo de Diyarbakir na Turquia
Prédio do Complexo do Castelo

Não se sabe ao certo quando o Castelo de Diyarbakir, ou İçkale foi construído, mas acredita-se que foi o primeiro edifício da cidade. Esta região é separada da cidade velha e serviu como centro administrativo da cidade, pois está cercado por muralhas.

Por lá vemos muitas marcas do Império Romano, bem como do bizantino. Além disso, o local teve a mão de Justiniano, o arquiteto dos castelos que também deu a forma ao castelo de Gaziantep, que também é na Turquia.

Nesta área cercada por uma muralha extra, encontramos um complexo de museus que ficam em prédios históricos. Esta parte do castelo foi construída a 100 metros do rio Tigre que teve grande importância no crescente fértil e claro, na agricultura da cidade junto com o Jardim Hevsel.

No complexo há o Museu Ataturk com uma pequena exibição sobre a vida do primeiro líder da República da Turquia. A exposição mostra fatos da vida dele, bem como informações sobre a visita dele à cidade em 1937.

Lá também fica o Museu de Arqueológico de Diyarbakir, onde podemos conhecer mais sobre a história da região. Há uma exibição que mostra a história de forma cronológica desde o ano 10.400 a.C. em Körtik Tepe, até a cidadela de Diyarbakir.

Há outro museu com exposição da cidadela e artesanato otomano, a Igreja de São Jorge e Artuklu Palace do período Artuqid. Além disso, há prédios do governo que não são abertos à visitação, bem como existe uma cafeteria com área externa que tem uma bela vista do vale e do rio Tigre.

  • Endereço: Cevat Paşa Mahallesi, Hz. Süleyman Caddesi, No.43
  • Horários: Aberto todos os dias entre abril e outubro das 08h30 às 19h e entre outubro e abril das 08h30 às 17h
  • Preço: 12,50 TL

Muralha de Diyarbakir na Turquia

Muralha de Diyarbakir, Turquia
Parte da muralha onde é possível subir

Com quase 6 km de extensão e cerca de 9 mil anos, a muralha de Diyarbakir é uma das maiores fortificações do mundo. Existe uma história que fala que assim como a da China, também é possível ver esta muralha do espaço.

Ela tem em torno de 10 metros de altura e 5 de espessura, com mais de 80 baluartes e muitos portões para a cidade velha. Para conhecer uma parte da muralha, você pode fazer um roteiro começando pelo Castelo e seguindo os portões a partir do Saray Kapı.

O segundo portão que você verá é o Mountain Gate, em turco Dağ Kapı, um dos principais pontos da fortificação de Diyarbakir. Ali na mesma região está a Dağkapı Meydanı que é a praça principal da cidade, rodeada de restaurantes, lojas e pousadas. 

Em seguida você poderá conhecer o portão Tek, Çift e Urfa, por exemplo. Ao chegar no portão Tarihi Mardin você pode subir no baluarte para ver o Jardim Hevsel e andar numa parte de dentro da muralha.

Jardins Hevsel

Muralha de Diyarbakir com Rio Tigre e Jardins Hevsel ao fundo
Rio Tigre e Jardins Hevsel ao fundo

Os Jardins de Hevsel é um dos locais que não pode ficar fora da sua lista com o que fazer em  Diyarbakir. Isso porque esses jardins são históricos e fazem parte da agricultura da cidade até hoje, pois cerca de um terço é utilizado para o cultivo de legumes, frutas e verduras. 

Segundo os historiadores, a primeira vez que falaram sobre o jardim foi no século 9, quando aconteceu a queda dos assírios. Após a queda, o jardim foi feito como forma de punição, mas ao mesmo tempo foi criado entre a cidade e o rio, com o objetivo de fornecer água e comida para os habitantes.

Um pouco depois dos Jardins fica a Ongözlü Köprü, ou Ponte Dicle em portugês, e um parque com uma casa de chás. Essa ponte é histórica, pois foi construída com pedras vulcânicas no rio Tigre em 1065.

Grande Mesquita de Diyarbakir

Ulu Camii, Diyarbakir
Ulu Camii

Essa é a Ulu Camii da cidade com mais de 3 mil anos de história. Ela era uma igreja e no período seljúcida virou uma mesquita passando por diversas transformações e terremotos que acabaram destruindo sua estrutura original. 

Apesar disso, o local foi reconstruído por anos e anos, e por isso é possível ver diferentes tipos de arquitetura e materiais no mesmo local. Portanto, não deixe de visitar essa que é uma das mesquitas mais importantes para a região muçulmana.

Centro Comercial e Bazar

Andar pelas ruas da cidade velha de Diyarbakir, na Turquia, significa andar pelo comércio da cidade. As lojas têm as fachadas bonitas, organizadas e todas são padronizadas com uma placa de madeira com seu nome.

Na rua Gazi, por exemplo, você vai ver que tem loja de tudo que é tipo, inclusive restaurantes com comida turca tradicional para fazer boas refeições. Vimos muitas lojas de castanhas que são chamadas de Kuruyemis, onde é possível comprar além das castanhas, temperos e chás, por exemplo.

Aproveite que está pela região para entrar nos mercados cobertos para ver as lojas de tecido, tabaco e de presentes. Na mesma região, recomendamos fazer uma pausa numa das pousadas históricas que tem cafeterias e casas de chás como a Hasan Paşa Hanı e Sülüklü Han.

Casarões Históricos de Diyarbakir

Pousada Hasan Pasha no Centro Comercial de Diyarbakir na Turquia
Pousada Hasan Pasha no Centro Comercial

No centro da cidade velha você pode visitar alguns casarões históricos que são muito bonitos, principalmente por causa da sua estrutura toda de pedra. Um bom lugar para ir é o Sultanlar Konağı e Hasan Pasha, pois ambas tem belas cafeterias. 

No casarão Cemil Paşa funciona o Museu da Cidade Diyarbakir e no Cahit Sıtkı Tarancı fica o Museu da Cultura. Outro local interessante é o casarão Ziya Gokalp, pois você vai encontrar um museu sobre a família Gökalp, que fez parte da história da cidade.

Quer saber mais sobre Diyarbakir na Turquia? Assista nosso vídeo

Durante nossos dias em Diyarbakir, gravamos muita coisa legal para nosso canal do Youtube. Assistindo a esse vídeo, você poderá ver mais sobre a cidade e suas principais atrações. Aproveite e se inscreva em nosso canal, pois postamos vídeo toda semana. Dessa forma, você receberá uma notificação sempre que a gente postar um vídeo novo.

Passeios na Turquia

Agora que você já sabe o que fazer em Diyarbakir, na Turquia, pode montar o seu roteiro de viagem o Curdistão e se programar. Portanto, faça as suas reservas com os links que deixamos no decorrer deste artigo e acesse as nossas sugestões de passeios pela Turquia abaixo.

Leia também

Inscreva-se
Notifique-me
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

2 Comentários
Mais novos
Mais velhos Mais votados
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Leoneide Cunha
Leoneide Cunha
7 meses atrás

O livro de cabeceira dela deve ser “mil lugares para conhecer antes de morrer”

Nós utilizamos Cookies para melhorar sua navegação pelo blog. Ok, tudo bem O que é Cookie?

2
0
Vamos conversar? Deixe seu comentário!x