Home Ásia Angkor Wat: Roteiro completo e dicas de planejamento

Angkor Wat: Roteiro completo e dicas de planejamento

por Flávio Mendes
Angkor Wat

Angkor Wat é o maior complexo religioso do mundo, abrangendo uma área de mais de 400 km². Nesse post detalhamos nosso roteiro com dicas de planejamento pelos dias que você for visita-lo. Foi um dos lugares mais incríveis que já visitei no mundo, com uma energia muito grande.

Sabia que o Seguro Viagem Ásia é muito importante?

O continente asiático é responsável pelo maior número de acionamentos do Seguro Viagem. Muita gente acaba passando mal, seja pela alimentação ou pelo calor excessivo que faz por lá. A Real Seguros é um comparador de seguro viagem que tem o melhor preço garantido. Faça uma cotação, pague em até 12x sem juros e viaje protegido.

FAZER COTAÇÃO

 

South Gate - Angkor Wat

South Gate – Angkor Wat

Fazia tempo que não me impressionava com templos, mas Angkor tem algo que não sei explicar. Gostei tanto que 3 dias foram pouco para desbravar o lugar. São centenas de templos conectados por estradas em meio a mata. 

Um pouco de história

Angkor Wat foi a sede do império Khmer que reinou entre os séculos IX e XV. O império Khmer era tão grande que ocupava áreas no Camboja, Myanmar e Laos. Os Khmers construíram diversos templos rodeados de rios e canais artificiais.

Angkor Wat

O tamanho de Angkor Wat comparado com a cidade de Siem Reap

Com o passar dos anos a cidade se tornou um importante centro comercial e uma das maiores cidades do mundo. Mas a partir do século XIII as disputas pela monarquia sem um definido sistema sucessório originou a ruína do povo Khmer.

Amanhecer em Angkor Wat

Amanhecer em Angkor Wat

Junto a isso, a cidade recebia ataques de tailandes e vietnamitas, o que ajudou a agravar ainda mais a situação. O solo sem nutrientes e a falta dos recursos hídricos também foram fatores que fizeram o império Khmer desaparecer. Com o fim da civilização Khmer, os templos foram abandonados e cobertos pela selva.

Ta Phrom

Ta Phrom

Desde 1992 que Angkor é Patrimônio Mundial da UNESCO. O complexo de Angkor Wat encontra-se e constante fase de restauração.

Reserve seu hotel com o melhor preço e cancelamento grátis

Como chegar em Angkor Wat

O complexo de Angkor Wat fica ao norte da cidade de Siem Reap no Camboja. Para chegar nele primeiro é preciso chegar em Siem Reap. Existem voos de diversas partes do mundo. Também é possível chegar por terra vindo da Tailândia e do Vietnam. Angkor wat fica a 7km do centro de Siem Reap e pode ser alcançado de diversas formas que vou explicar mais pra frente.

Quanto custa e onde comprar os ingressos

Desde o começo de 2017, os ingresso mudaram de valor e também devem ser comprados em outro local. Fui descobrir o ponto de venda da maneira mais difícil: pedalando desde o centro de Siem Reap até quase a porta do complexo de Angkor Wat e tendo que voltar para compra-lo no novo local.

Os ingressos são vendidos na Angkor Enterprise que pode ser achado no mapa a seguir. O Angkor Enterprise fica no endereço Street 60, Krong Siem Reap, Cambodia.

São 3 os tipos de ingressos vendidos:

  • 1 dia   – U$ 37
  • 3 dias – U$ 62 – deve ser utilizado em até uma semana
  • 7 dias – U$ 72 – deve ser utilizado em até um mês

Os ingressos só são vendidos no local citado acima. Isso porque é necessário tirar uma foto que será impressa no seu ingresso. Eu comprei o ticket de 3 dias e achei pouco. Nunca achei que fosse gostar tanto de um templo como gostei de Angkor Wat.


Reserve seu hotel com o melhor preço no Booking

   Veja todas as opções de hotéis em Siem Reap


Também é possível entrar e sair quantas vezes forem necessárias no mesmo dia. O controle é feito através de uns buraquinhos que fazem no seu ingresso com o dia demarcado na parte de trás. Toda vez que você passa por alguma das entradas do complexo de Angkor Wat é preciso mostrar seu ingresso. O mesmo deve ser feito assim que você entra em qualquer templo. Ande sempre com seu ingresso.

Horário de funcionamento de Angkor Wat

Angkor Wat abre todos os dias, mas o horário de funcionamento muda de templo para templo.

  • Angkor Wat e Srah Srang:    das 05h00 às 17h30
  • Phnom Bakheng e Pre Rup: das 05h00 às 19h00
  • Todos os outros templos:     das 07h30 às 17h30

Como visitar e se locomover dentro de Angkor Wat

Opções não faltam pra visitar os templos. Eu gosto de fazer tudo por conta própria, mas se tratando da grandiosidade do complexo, acho que você não vai querer fazer as loucuras que eu costumo fazer.

No primeiro dia optei por conhecer Angkor Wat de bicicleta. É possível alugar uma bike por U$ 3. Lembrando que Angkor Wat fica cerca de 7km do centro de Siem Reap. Além de pedalar esses 7km pra ir mais 7km pra voltar, você vai pedalar muito mais dentro do complexo.

Angkor Wat

De bike pelo Victoria Gate

Os templos ficam distantes uns dos outros, são conectados por estradas e o calor e a poeira vão ser seus piores inimigos. Acho que pedalei mais de 30km esse dia, desde as 08h00 até as 18h00.

Banteay Kdei

Banteay Kdei

Nos outros dois dias optei por alugar uma moto. É possível alugar uma scooter automática a partir de U$ 10 pechinchando muito. Os preços não são tão convidativos como na Tailândia, mas ainda assim vale a pena. É possível comprar gasolina que são vendidas em garrafas em diversos pontos de Angkor.

Bayon

Bayon

Apenas tenha cuidado com o trânsito de Siem Reap que é um pouco doido. Eu pelo menos me acostumei bem fácil, as pessoas não buzinam, andam devagar e se respeitam. Acho que por causa disso que acidentes não acontecem. Mesmo um fechando o outro, passando no sinal vermelho, todos se entendem.

Bayon

Bayon

Outra forma de conhecer os templos é contratando os serviços de um tuk tuk. A partir de U$15 é possível contratar os serviços de um tuk tuk que vai te levar para todos os templos que você quiser ou seguir os 2 tipos de roteiros mais feitos: small tour e big tour.

O tuk tuk fica a sua disposição desde cedo até o final do dia. Acho que é uma das opções que compensam mais. Tuk tuks não faltam em Siem Reap, você vai ver.

Melhores dias e horários para visitar os templos

Acabei conhecendo o complexo de Angkor Wat em uma sexta, sábado e segunda-feira. O pior dia foi no sábado quando dezenas de excursões com chineses, pelo que eu deduzi, visitam Angkor Wat.

Sendo assim, é melhor fugir dos finais de semana, se der, é claro. Outra coisa que percebi é que entre as 11h00 e as 15h00 os templos lotam. Fica meio difícil tirar aquela foto sozinho sem ninguém atrapalhando, principalmente turistas sem educação.

Ta Phrom

Ta Phrom

Mas se engana quem acha que chegando assim que os templos abrem vai conseguir fugir da turistada. Um exemplo é a quantidade de turistas que chegam antes mesmo da abertura, para ver o sol nascendo. Esse é um dos principais programas: assistir o sol nascendo dentro de Angkor Wat.

Outra dica é: chegue no mesmo horário que os turistas chegam para ver o sol nascendo em Angkor Wat. Aproveite enquanto a maioria dos turistas estão nele para ter os outros templos só pra você. Mas só faça isso depois de ter dedicado uma manhã para ver o sol nascendo de dentro de Angkor Wat.

O que levar na sua mochila para Angkor Wat

Eu levei uma mochila pequena com os itens de sempre:

  • Água
  • Protetor solar
  • Petiscos
  • Cameras
  • Tripé
  • Documentos
  • Ingresso

Onde comer e beber em Angkor Wat

Existem diversas barraquinhas montadas próximas aos templos que vendem água, refrigerante, petiscos e refeições. Não estranhe se você ver os vendedores correndo em sua direção para tentar te vender frutas ou água. É meio que uma competição de quem consegue o cliente. Chega a ser triste ver o desespero dos moradores locais para conseguir vender algo.

Barracas de comidas, elefantes e turistas

Barracas de comidas, elefantes e turistas

Existem alguns restaurantes próximos ao Ta Phrom, mas que são bem mais caros do que comer nos melhores restaurantes de Siem Reap. Se der, tente evita-los. Eu mesmo comi em um deles, gastei quase o dobro do que se comesse em Siem Reap e achei que veio pouca comida.

Código de conduta de Angkor Wat

As regras dentro do complexo de Angkor Wat são levadas a sério. Existem guardas em todos os locais e vi muita gente tomando bronca por subir onde não podia, tocar as paredes e coisas do tipo.

Eu mesmo tomei uma bronca, pois em uma das pontes pisei sem ter visto em uma parte da mureta quando fui tirar uma foto do rio.

Para entrar nos templos é necessário usar roupas que cubram os joelhos e ombros. Eles pegam mais no pé das mulheres, portanto, vista-se e respeite essa regra.

Não é permitido fumar dentro dos templos. As regras dizem para não tirar fotos dos monges.


Gostou do post? Então deixa seu comentário aí embaixo!!


Contrate seu passeio em Siem Reap

 


Leia também

Inscreva-se
Notifique-me
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

4 Comentários
Mais novos
Mais velhos Mais votados
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários
Felipe
Felipe
1 mês atrás

Olá – vi que vocês alugaram uma scooter para visitar os templos do Angkor Wat, mas li em alguns lugares que isso não era permitido (só não ficou claro se era lei ou apenas uma regra inventada pelos motoristas de TukTuk pra não perderem clientes). Vocês chegaram a ter algum problema?

Andressa Silva
Admin
1 mês atrás
Responder para  Felipe

Oi Felipe, quando fomos não tivemos probelam algum. Nós alugamos bicicleta e também foi ótimo, o passeio foi super gostoso!
Abraços.

lanai
lanai
2 meses atrás

Olá! Quantos dias você ficou em camboja? Achas que um mês é demais, 15 dias é o suficiente?

Obrigada!

Nós utilizamos Cookies para melhorar sua navegação pelo blog. Ok, tudo bem O que é Cookie?

4
0
Vamos conversar? Deixe seu comentário!x